Adapec participará de discussões sobre fundos de emergência sanitária animal

Publicado em: 19 de Março de 2019
Foto Por: Divulgação
Autor: Dinalva Martins-Governo do Tocantins
Fonte: Ascom

Com o objetivo de contribuir com as discussões sobre a proposta da criação de um fundo emergencial nacional e buscar alternativas para o fortalecimento dos fundos estaduais, o presidente da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), Alberto Mendes da Rocha, participará da 2ª Reunião dos Fundos Emergenciais para Saúde Animal, que se realizará entre os dias 19 e 20 de março, em Cuiabá-MT.

 

Os debates sobre a importância dos Fundos têm se intensificado com a retirada da vacinação prevista no plano estratégico 2017-2016 do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA). 

 

"Precisamos aumentar o poder da atuação do Fundo Privado de Desenvolvimento Agropecuário do Estado do Tocantins (Fundeagro) e incentivar o retorno da arrecadação que visa auxiliar as atividades de defesa agropecuária, bem como indenizar os produtores rurais, em casos de emergência sanitária", explica Alberto Mendes.

 

O presidente disse ainda que se reuniu anteriormente com representantes do Fundeagro e do Sindicato das Indústrias Frigoríficas de Carnes Bovinas, Suínas, Aves, Peixes e Derivados do Estado do Tocantins (Sindicarnes) para ouvir as demandas e levá-las para o encontro.

 

Fundeagro

 

É um fundo privado sem fins lucrativos, que tem o objetivo de promover o desenvolvimento e aperfeiçoamento da agropecuária do Estado do Tocantins, bem como trabalhar para a erradicação da febre aftosa e outras zoonoses, além do controle de pragas e doenças de vegetais.

 

Fazem parte do Fundeagro entidades como a Faet; Sindicarnes;  Associação dos Criadores de Nelore do Tocantins (ACNT);  Associação das Indústrias de Laticínios e Derivados do Leite do Estado do Tocantins (Sindileite); Associação Sul Tocantinense de Pecuária de Corte (Apeco);  Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado do Tocantins (OCB); Superintendência Federal da Agricultura e Abastecimento e a Adapec. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.