Termina nesta quinta-feira, 28, o prazo final para o recadastramento obrigatório de lojas agropecuárias

Publicado em: 28 de Fevereiro de 2019
Foto Por: Delfino Miranda / Governo do Tocantins
Autor: Welcton de Oliveira / Governo do Tocantins
Fonte: Ascom

Encerra nesta quinta-feira, 28, o prazo final para o recadastramento anual de estabelecimentos comerciais e/ou industriais que se dedicam a comercialização, armazenamento, aplicação e a produção de produtos para uso na agropecuária.

 

O cadastro é obrigatório e deve ser feito junto à Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec), conforme prevê a Portaria nº 022/2019.

 

As empresas que não fizerem o recadastramento, poderão sofrer sanções previstas em lei, como:  multas de até R$ 3.600,00 reais, sendo que em casos de reincidência, esta multa será dobrada, suspenção do certificado de registro para as empresas autuadas, interdição do estabelecimento e cancelamento do cadastro junto ao órgão.

 

Para fazer o recadastramento, o empresário deve juntar todos os documentos indicados com prazos de validade em dia, recolher a taxa de recadastramento e entregar a documentação na unidade local da Adapec do seu município.

 

A lista com os documentos exigidos estão na portaria nº 022/2019 e pode ser acessados também no site da Adapec, no endereçowww.adapec.to.gov.br/servicos/areavegetal.

 

Dados

 

No ano passado foram licenciados 452 estabelecimentos agropecuários junto a Adapec. As regionais que concentram o maior número de lojas agropecuárias são: Palmas com 65 estabelecimentos, seguido por Colinas com 62, Araguaína 57, Porto Nacional 52 e Araguatins com 46.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.