Seleo apresentar projeto para ter Neymar

Publicado em: 31 de Março de 2016
Foto Por: Rafael Ribeiro/ CBF
Fonte: Jornal do Tocantins

Antes de tentar se recuperar nas eliminatórias para a Copa-2018, em setembro, contra o Equador, e sair da incômoda sexta posição, a Seleção Brasileira terá que encarar a Copa América do Centenário, com seu time principal em junho, nos EUA, e a Rio-2016, com um time sub-23 reforçado por três "veteranos", em agosto.

E o planejamento feito por Dunga, que está pressionado mas deve permanecer como técnico da seleção, passa todo por Neymar. A CBF quer o craque nas duas competições. Ele quer jogar os dois torneios. Mas tudo depende do Barcelona. O Barcelona é obrigado a liberá-lo para a Copa América, que é um torneio no calendário da Fifa. Para a Olimpíada, como ele tem mais de 23 anos, não existe essa obrigação. O clube catalão está disposto a soltá-lo para uma apenas, e seria à Olimpíada.

Há, porém, um projeto que será apresentado ao clube espanhol pela CBF para ter ele nas duas competições. Neymar se apresentaria após a final da Liga dos Campeões, em 28 de maio, caso o Barça chegue a essa partida, claro, para a Copa América.

Jogaria a competição até onde o Brasil chegar (a final é 27 de junho). Depois, sairia de férias. E se apresentaria ao time olímpico depois dos demais jogadores.

A CBF quer que o time sub-23 esteja treinando a partir de 18 de julho -a estreia será em 4 de agosto, em Brasília. Neymar chegaria uma semana depois, por volta de 24 de julho, e teria, portanto, quase um mês de descanso. "Estamos conversando com os clubes", disse Dunga sobre as liberações. Para a Rio-2016, além de Neymar, Dunga quer levar Miranda, da Inter de Milão, e Willian, do Chelsea. O goleiro Ederson, do Benfica, agradou nos amistosos de março da seleção olímpica e deve ser o titular na Rio-2016. "Se for chamado, quero jogar as duas competições. Mas vamos esperar", disse Miranda. Nas demais posições, jogadores como Gabriel, do Santos, Felipe Anderson, da Lazio, Rafinha Alcântara, do Barcelona, Rodrigo Caio, do São Paulo, e Fabinho, do Monaco, devem estar no grupo olímpico. Na Copa América, Dunga deve manter a base das eliminatórias.

PREPARAÇÃO

A programação da seleção brasileira para a Copa América está praticamente definida. O treinador fará a convocação no início de maio, ainda sem data. No dia 23 de maio, os jogadores se apresentam em Los Angeles, já nos Estados Unidos. Provavelmente o local de treinamentos será em Manhattan Beach, ao sul de Los Angeles, e próximo ao Galaxy, time local da MSL (Major League Soccer), a principal liga de futebol norte-americana.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.