Justia nega habeas corpus para ex-secretrio geral do PT

Publicado em: 04 de Abril de 2016
Foto Por: Rodolfo Buhrer/Folhapress)
Fonte: Veja.com
Silvio Pereira, ex-secretrio geral do PT, foi preso na 27 fase da Operao Lava Jato

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, negou neste domingo o pedido de liminar para habeas corpus do ex-secretário geral do PT, Silvio Pereira, o Silvinho. Ele teve a prisão temporária decretada na última sexta-feira, durante a 27ª fase da Operação Lava Jato, denominada Carbono 14. Ele foi citado na delação premiada do lobista e operador do PT Fernando Moura.

Segundo a força-tarefa que investiga os crimes cometidos pelo esquema de corrupção na Petrobras e em empreiteiras, Silvinho Pereira recebeu cerca de 1,6 milhão de reais de fornecedores da estatal e do próprio PT nos últimos anos, dinheiro que ao menos em parte teria sido desviado de forma ilegal. Não foram encontradas evidências de que Silvinho teria prestado serviços que justificassem pagamentos tão elevados. A suspeita é que o dinheiro tenha sido destinado ao ex-secretário do PT como uma espécie de mesada para que ele permanecesse em silêncio sobre o que sabe do esquema que existia na Petrobras e sobre o Mensalão.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.