Assembleia encerra semestre com missa e confraternização

Publicado em: 03 de Julho de 2019
Foto Por: Clayton Cristus
Autor: Maisa Medeiros
Fonte: Ascom

O encerramento do semestre legislativo foi comemorado na manhã desta terça-feira, 2, na sala de reuniões da Assembleia Legislativa, pelos parlamentares e servidores da Casa de Leis, com uma Missa de Ação de Graças e confraternização em homenagem aos aniversariantes dos meses de abril, maio e junho.

A esposa do presidente do Parlamento, Virginia Andrade, parabenizou os aniversariantes e agradeceu os servidores pelo apoio nas ações da Assembleia, como, por exemplo, o Baile do Amor, realizado no último dia 28. Dona Virginia fez questão de deixar sua mensagem de fé e esperança e de agradecer pela oportunidade de celebrar a vida. "Nossa principal missão é lutar pela valorização da vida, e isso é o que norteia guia nossas ações; por isso estamos gratos por todos que nos apoiam e caminharam ao nosso lado", enfatizou.

Já o presidente Antonio Andrade destacou que apesar das dificuldades enfrentadas neste primeiro semestre da sua gestão na presidência da Assembleia, está satisfeito com o trabalho realizado e com a parceria dos parlamentares e dos servidores.

Toinho agradeceu o empenho do Frei Alan ao atender o convite da Casa de Leis para celebrar as missas no Parlamento e destacou o compromisso de fé que faz essa gestão ser diferente e comprometida com o povo. Disse ainda que não mede esforços para agregar pessoas de bem, interessadas em trabalhar com responsabilidade e Justiça.

A celebração contou com apresentações musicais do Coral Infantil e o Coral de Adultos da Assembleia, criados por iniciativa da atual gestão, sob a regência de Bruno Barreto. Foram apresentadas as músicas "Semente do Amanhã", de Gonzaguinha, e "João e Maria", de Chico Buarque e Sivuca (Infantil), "É preciso saber viver!", de Roberto Carlos e Erasmo Carlos e "Eu gosto tanto de você", de Lulu Santos (adultos).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.