Com 331 votos, Plenário da Câmara rejeita tirar reforma da Previdência da pauta

Publicado em: 11 de Julho de 2019
Foto Por: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr)
Autor: Cleber Toledo
Fonte: Cleber Toledo
Assessores e parlamentares dão entrada em requerimentos regimentais, para obstruir a votação

A primeira tentativa da oposição de impedir a aprovação da reforma da Previdência foi malsucedida. Por 331 votos a 117, o Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou nesta noite requerimento do PDT para retirar de pauta a proposta de emenda à Constituição (PEC) da sessão desta terça-feira, 9.

Resultado comemorado

Parlamentares governistas comemoraram o resultado, afirmando que o placar funciona como um termômetro informal da disposição dos deputados em aprovar a reforma da Previdência. A PEC necessita de 308 votos, equivalentes a três quintos dos deputados, para ser aprovada em primeiro turno.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.