Hospital de Gurupi realiza mutirões de cirurgias urológicas

Publicado em: 27 de Março de 2019
Foto Por: Nielcem Fernandes
Autor: Laiany Alves - Governo do Tocantins
Fonte: Ascom
Mutirão Cirurgias Ortopédicas

O objetivo é atender a população referenciada e diminuir o número de pacientes na fila de espera de cirurgias eletivas nesta especialidade.

 

A equipe do Ambulatório e Regulação do Hospital Regional de Gurupi (HRG) está buscando os pacientes que estão nas filas de cirurgias eletivas para realização de procedimentos cirúrgicos eletivos na especialidade de urologia.

 

O hospital estará realizando no período de 25 a 30 de março a primeira etapa do mutirão de cirurgias urológicas, de baixa e média complexidade que atenderá a população referenciada e diminuirá o número de pacientes na fila de espera destes procedimentos.

 

A intenção é realizar 14 procedimentos cirúrgicos em pacientes regulados pelo Sistema de Regulação Estadual (Sisreg). Uma nova etapa está prevista para o mês de abril.

 

Segundo a coordenadora do Ambulatório e Regulação do hospital, Janaína Mota, essa  prática de mutirões será recorrente na unidade hospitalar. Na próxima etapa serão realizadas outras especialidades que estão previstas a partir do dia 10 de abril.

 

"Estamos fazendo um levantamento da demanda reprimida, para dar início aos mutirões de outras especialidades, como os procedimentos ginecológicos e cirurgia geral, que tem uma demanda alta", afirmou Janaína Mota.

 

A diretora geral do hospital, Cristiane Uchôa informa que as cirurgias urológicas serão realizadas na modalidade de mutirões pelos médicos urologistas Dr. Reinhard Langen e Dr. Arthur Moreira Alves. Na ocasião, serão feitos os procedimentos de vasectomias, hérnias inguinais e outras.

 

Cristiane disse ainda que o hospital vem organizando a realização de mutirões de cirurgias de média e baixa complexidade, aquelas que não requerem tempo de internação pós-cirúrgica.

 

"Estamos trabalhando arduamente para reduzir as filas de espera, cito como exemplo as cirurgias ortopédicas, organizamos em conjunto, com o coordenador da área, Dr. Gilton Santos Anjos Filho, as escalas médicas para pode atender o máximo de pacientes nas agendas do centro cirúrgico para esta especialidade. Realizamos em média de 10 a 12 procedimentos ortopédicos, em regime de mutirão, o que está diminuindo o tempo de espera de internação no Regional", ressaltou a diretora.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.