Audiência pública sobre segurança no trânsito aconteceu em Buriti com a presença do Comando do 9º BPM

Publicado em: 15 de Maio de 2019
Foto Por: Divulgação
Autor: ASCOM/9º BPM
Fonte: ASCOM

 Na audiência pública para tratar sobre a segurança no trânsito ocorrida na noite dessa terça-feira, 13, na cidade de Buriti do Tocantins, contou com a presença do comandante do 9º Batalhão da PM (9º BPM) em Araguatins, tenente coronel Weslley Dias Costa, acompanhado do subcomandante, major Sandro de Lima Silva e do comandante do 2º Pelotão Operacional em Buriti, capitão Cleuton Wilson Barros Lima.

 

A audiência pública foi organizada pela prefeitura municipal e a câmara de vereadores. O evento ocorreu no Centro de Referência do Idoso (CRI) de Buriti e contou com a presença de lideranças e membros da sociedade local. Cerca de 170 pessoas estiveram presentes na audiência que teve início às 19h e se encerrou às 22h.  

 

A presença da comunidade e Polícia Militar na audiência foi atendendo convite formulado pelo prefeito Américo dos Reis Borges e do presidente da câmara, o vereador Iris Lopes Borges, que compareceu acompanhado de alguns parlamentares do município.

 

Sobre a missão constitucional e institucional da Polícia Militar, foi o leque de abertura da fala do tenente coronel Weslley para o público. O comandante fez questão de esclarecer à comunidade e aos demais presentes, dos objetivos da fiscalização e da responsabilidade de todos os cidadãos para um trânsito seguro.

 

Também foram abordados outros assuntos como o combate às drogas, roubos, furtos e outros delitos que vem sendo registrado no município de Buriti. Após a fala do comandante foi aberta oportunidade para populares fazerem perguntas.

 

Na avaliação dos organizadores e da PM, o resultado da audiência foi considerado positivo, tendo servido principalmente para criar uma aproximação maior entre a instituição Polícia Militar e aquela comunidade. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.