Corpos de pai e filha que morreram afogados após canoa virar são enterrados

Os dois se afogaram durante travessia na Ilha do Bananal. Eles estavam em uma canoa com uma terceira pessoa e uma motocicleta.

Publicado em: 15 de Julho de 2019
Foto Por: Reprodução
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Pai e filha morreram após embarcação virar no rio Javaés

Foram enterrados na tarde deste sábado (13) os corpos de Daniel Rubens Pereira Costa, de 28 anos, e da filha dele, Laura Medeiros Costa, de 7 anos. Os dois morreram afogados nesta sexta-feira (12) após a embarcação em que eles estavam virar no rio Sorrocan.

 

Pai e filha estavam fazendo uma travessia na região da Ilha do Bananal, no sul do estado. As duas vítimas foram veladas pela família na zona rural.

 

A polícia investiga as causas do acidente. A suspeita é que a embarcação estivesse com excesso de peso. O caso chocou os moradores da região.

 

Testemunhas informaram à Polícia Militar que as vítimas estavam voltando da Ilha do Bananal em uma canoa, por volta das 21h, quando a embarcação começou a encher de água e as vítimas foram submersas.

 

Além de pai e filha, o barco transportava também uma mulher, que não teve ferimentos, e uma motocicleta.

 

Uma testemunha informou que Daniel Rubens tinha ido à Ilha do Bananal para fazer negócios de compra e venda de gado. As vítimas foram encontradas e retiradas do rio por populares.

 

Os corpos de pai e filha foram levados para o IML de Gurupi e liberados ainda na noite de sexta-feira.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.