Dois são condenados por assassinato em sorveteria de Paranã

Vitor Paulo Ferreira Araújo e Iago Lindemberg Alves de Oliveira teriam baleado Valdeci Curcino do Santos enquanto ele conversava com amigos.

Publicado em: 24 de Agosto de 2019
Foto Por: Divulgação/Prefeitura de Paranã
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Crime foi em Paranã, no sudeste do Tocantins

Dois homens foram condenados pelo assassinato de Valdeci Curcino do Santos em Paranã, no sudeste do estado. Vitor Paulo Ferreira Araújo e Iago Lindemberg Alves de Oliveira foram acusados de fazer os disparos enquanto a vítima conversava com outra pessoa em uma sorveteria. O caso foi em dezembro de 2015.

Para o Ministério Público Estadual, o mentor do crime foi Vitor Paulo e Iago Lindemberg ajudou na execução. Eles foram condenados, respectivamente, a 21 anos e 18 anos de prisão. A motivação do assassinato não foi divulgada.

Um dos elementos levados em consideração pelo juiz Márcio Soares da Cunha é que a vítima tinha filhos pequenos que dependiam dele. Isso resultou no aumento das penas em três anos, além dos agravantes de motivo fútil e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Ele foram condenados em um júri popular, mas ainda podem recorrer do tamanho da pena.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.