Época de estiagem agrava Síndrome dos Olhos Secos no Tocantins; veja os cuidados

Nessa época do ano, 70% das pessoas correm o risco de desenvolver o problema. Oftalmologista orienta moradores a beberem muita água e usarem colírios.

Publicado em: 13 de Junho de 2018
Foto Por: Reprodução/TV Anhanguera
Autor: G1 Tocantins.
Fonte: G1 Tocantins.
Síndrome dos Olhos Secos atinge 70% das pessoas nessa época do ano

O sol, o clima seco e o vento podem afetar a saúde dos olhos e intensificar a Síndrome dos Olhos Secos. Nessa época do ano, 70% das pessoas correm o risco de desenvolver o problema, segundo especialistas. Os sintomas mais comuns são a irritação, vista embaçada, coceira e sensação de areia nos olhos. O médico oftalmologista, Juliano Perfeito, orienta que o ideal é usar umidificador e beber muita água. 

 

A dona de casa Rosalina Sousa Felix entrou para as estatísticas. Por causa da síndrome, ela preciosu procurar um médico, mas agora se recupera melhor. "Eu sentia um mal estar, escorria muita água, ficava vermelho, irritado, doía e escorria aquela água quente. Parecia que estava querendo queimar", relembra.

A síndrome tem cura, mas possui tratamento. "A Síndrome do olho seco tem o nome síndrome porque são vários fatores. Então, a gente tem que tentar descobrir quais são os fatores envolvidos. O nosso clima exige uma lubrificação muito boa, senão o paciente começa a ter reclamações. A gente tem alguns fatores que não tem como mudar, que é o clima. A gente orienta nesses casos colocar em casa ou no trabalho um umidificador , tomar mais água e usar colírios prescritos pelo médico", orienta o aftalmologista.

Os óculos podem ser usados para ajudar na prevenção. A lente vai fazer uma barreira contra a luz excessiva e principalmente contra o vento. "Quem vem procurar as óticas, já vem sabendo o que quer, proteção para os olhos. Então a gente tem os óculos que têm estética, mas que têm a proteção", diz o técnico em lentes, Alexandre Pereira.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.