Grupo suspeito de praticar roubos em Assentamento é preso pela PM em Aguiarnópolis

Publicado em: 08 de Novembro de 2018
Foto Por: Divulgação PMTO
Autor: Luana Barros/Governo do Tocantins (revisão)
Fonte: Ascom
Os celulares e o simulacro de arma de fogo foram apreendidos pela PM.

Na noite de terça-feira, 06, por volta das 20h30, no Assentamento Vitória, zona rural de Aguiarnópolis, a Polícia Militar efetuou a prisão de dois homens, ambos de 19 anos, e apreendeu dois adolescentes de 17 anos, suspeitos de receptação e roubo. Em poder dos jovens os policiais apreenderam quatro celulares roubados, um simulacro de arma de fogo utilizado para ameaçar as vítimas, além de uma moto também usada na ação.

 

A equipe da PM na cidade de Aguiarnópolis foi acionada via "190" e informada que no Assentamento Vitória estava acontecendo uma série de roubos à mão armada, onde os indivíduos utilizavam uma moto para a prática dos crimes. No local informado os policiais colheram mais detalhes da ação, de acordo com as vítimas quatro celulares já haviam sido roubados.

 

As vítimas disseram aos militares que estavam em frente a uma residência, quando foram surpreendidas pelos acusados, momento em que o garupa portando uma arma de fogo ameaçou e levou os quatro parelhos celulares, saindo em seguida em direção a cidade de Aguiarnópolis.

 

Uma das vítimas disse reconhecer dois dos suspeitos e informou o primeiro nome de ambos. Diante de todas as informações colhidas no local, a equipe se deslocou em diligências no intuito de localizar os acusados. O menor foi encontrado em casa na companhia do seu pai. Ele confessou a participação no roubo e entregou os demais envolvidos, que também foram localizados e presos.

 

Os policiais recuperaram ainda os celulares roubados e apreenderam o simulacro de arma de fogo e a motocicleta usada pelos acusados. Todos os envolvidos e o material apreendido foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil em Tocantinópolis, para os procedimentos pertinentes ao ocorrido.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.