Raio atinge casa e moradores saem ilesos após parte do telhado cair

Raio possivelmente foi atraído por uma antena de TV instalada no teto. O Tocantins é o estado brasileiro com a maior quantidade de raios por quilômetro quadrado.

Publicado em: 26 de Fevereiro de 2018
Foto Por: Arquivo Pessoal
Autor: G1 Tocantins.
Fonte: G1 Tocantins.
Moradores ficaram ilesos

Um raio possivelmente atraído por uma antena de TV instalada no teto destruiu o forro da sala de uma casa em Araguaína, no norte do estado, durante a chuva da madrugada deste domingo (25). No imóvel estavam quatro pessoas da mesma família e ninguém se feriu.

O que sobrou do forro está cheio de rachaduras e ainda corre o risco de desabar. "Eu e a minha família vivemos um filme de terror. Estávamos meu marido e eu no quarto dos fundos e os meus filhos no quarto da frente. Nós escutamos o barulho do raio e o telhado desmoronando", conta professora Maria Deusa.

Quando escutou o forro desabar, a única preocupação da professora foi com a família. "Foi uma gritaria. Eu e meu marido gritamos, achando que nossos filhos tinham morrido. Eu vim até a sala gritando, daí ouvi meu marido dizendo que eles estavam bem", conta Maria.

Com o raio, a tampa de proteção das tomadas foi parar longe. O alarme da cerca elétrica e o padrão de luz queimaram.

Na casa do atendente Eder leite a perda foi material. "De bens materiais perdemos o telhado, DVD, aparelho digital que recebe o sinal da antena. Daqui para frente é reorganizar, trabalhar e colocar as coisas no lugar novamente."

Raios no Tocantins

O Tocantins é o estado brasileiro com a maior quantidade de raios por quilômetro quadrado. Só nos primeiros dias de 2018, o estado registrou quase 800 mil raios segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

A proximidade com a linha do Equador, a intensidade da energia solar e a dinâmica das nuvens com características de tempestade contribuem para alta incidência de raios na região. Na região de Araguaina, cerca de 5 mil pessoas são atendidas vítimas de raios, segundo o Samu.

Em Filadélfia, no norte do estado, um menino de 8 anos que estava nadando no lago da barragem, morreu depois que um raio caiu na água.

Em Araguatins uma estudante morreu depois que o raio atingiu a fiação elétrica e chegou até a adolescente de 14 anos. Maria Edileuza, de 52 anos, também morreu por causa de um raio na cidade de Pau D'arco. Ela estava tentando se proteger debaixo de uma árvore.

Prevenção

A Defesa Civil de Palmas recomenda que população tome alguns cuidados para evitar acidentes com raios.

A engenheira ambiental e engenheira do trabalho Flávia Lustosa, reforça que sempre há risco em chuvas com descargas elétricas, mas também podem ocorrer mesmo na ausência da tempestade, quando o céu está nublado.

“Para quem estiver em casa, a recomendação é não sair, permanecer longe de portas e janelas e usar o telefone somente em uma emergência. Caso esteja fora de casa, a principal recomendação é busque refúgio no interior de edifícios. Em caso de inexistência de abrigo próximo, é preciso manter-se longe de árvores isoladas e fora da água durante tempestades.”

Também é preciso evitar usar equipamentos ou objetos metálicos ou energizados e, se estiver dirigindo, permanecer dentro do veículo até o fim da tempestade.

“A estrutura dos veículos oferece boa proteção contra raios pois a eletricidade do raio se espalha por sua superfície externa que, através dos pneus, é descarregada para o solo sem provocar dano a quem está dentro”, diz o superintendente da Defesa Civil Municipal, Iranilto Sales.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.