SENAR lança Programa de Assistência Técnica e Gerencial para a Agroindústria Artesanal

Publicado em: 07 de Setembro de 2019
Foto Por: Divulgação
Autor: Ascom
Fonte: Ascom

O lançamento do Programa de Assistência Técnica e Gerencial para a Agroindústria Artesanal reuniu representantes de várias regionais do SENAR de todo o Brasil, em Belo Horizonte essa semana. O Superintendente Adjunto do SENAR/TO Frederico Sodré, participou do evento representando a instituição, cada participante pode vivenciar detalhes da iniciativa do programa e conhecer de perto como será implantado o projeto piloto em Minas Gerais.

 

A diretora de ATeG do SENAR Central, Andrea Barbosa, explicou que todos os estados já podem iniciar o programa, que é inovador. "Tenho certeza que vai fazer a diferença na vida dos produtores e promover impacto imediato na economia desse país", avaliou.

Presente no evento, o Superintendente adjunto do SENAR-TO, Frederico Sodré comentou sobre a importância da ATeG da Agroindústria. "Será um divisor de águas para o SENAR no Brasil. Teremos um olhar mais voltado para a agroindústria artesanal e daremos mais oportunidade para os pequenos produtores de queijo, de doces, de embutidos e defumados para que eles possam sair da informalidade e vir para o mercado com segurança alimentar e assistência técnica adequada. "

 

Ainda segundo o Superintendente, será feito um levantamento no estado do Tocantins das agroindústrias para o início do acompanhamento da Assistência Técnica e Gerencial.

 

As ações de ATeG para a Agroindústria compõem um dos eixos temáticos do Programa de Alimentos Artesanais e Tradicionais do Brasil do Sistema CNA/SENAR. O objetivo é fornecer dados sobre o perfil dos produtores e o nível de processos em eles estão para, posteriormente, oferecer assistência técnica dentro de suas necessidades.

 

Ao participar do programa, o produtor será capaz de agregar valor por meio de melhor qualidade, noções de comercialização, marketing, boas práticas de fabricação e certificação. Isso tudo leva a uma vantagem competitiva: eles poderão vender com melhores lucros, gerando mais renda, emprego e mais benefício para toda a cadeia", destacou o superintendente do SENAR MINAS, Christiano Nascif.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.