SENAR realiza Dia de Campo e certificação de cursos em Silvanópolis

Publicado em: 11 de Junho de 2019
Foto Por: Divulgação
Autor: Assessoria de Comunicação Sistema FAET/SENAR
Fonte: Ascom

Neste final de semana, no município de Silvanópolis, o SENAR Tocantins, realizou mais um Dia de Campo (do Programa ABC Cerrado), em parceria com o Sindicato Rural de Silvanópolis, o evento também teve a parceria da prefeitura municipal. Além de produtores rurais, participaram do evento alunos do curso Técnico em Agronegócio, dos polos de Almas, Palmas e a comunidade.

 

 

O público presente pode conhecer novas tecnologias, máquinas e implementos, agrícolas voltados para o plantio de grãos, e assistir uma palestra sobre: "A importância da Agricultura de Precisão para a Agropecuária", ministrada pelo Engenheiro Agrônomo, César Augusto Costa Nascimento. Durante a semana foram realizados três cursos nas áreas de: Trabalhador na Operação de Veículos Aéreos não Tripulados, Trabalhador em Mapeamento e Monitoramento de Áreas Agrícolas e Trabalhador na Operação e Manutenção de Colheitadeiras.

 

 

César Augusto explicou que agricultura de precisão é um método de gestão e gerenciamento da produção agrícola em que, beneficia seus usuários pela redução do grave problema do risco da atividade agrícola, reduz os custos da produção, proporciona uma tomada de decisão rápida e certa, além de controlar toda a situação pelo uso da informação.

 

 

O presidente do sistema FAET/SENAR, Paulo Carneiro esteve presente no evento e em sua fala comentou que, "a agricultura de precisão é um agente transformador, ela revolucionou a produção agrícola ao profissionalizar os processos e permitir a mensuração de variáveis que influenciam na produção, nós produtores precisamos estar atentos e conhecedores dessas transformações, hoje aqui foi um dia extremamente produtivo.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.