Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017

Notícias / Tocantins

Quarta-Feira, 11 de Outubro de 2017 VOLTAR

Tocantins é o estado com maior número de eleitores cadastrados na biometria; veja ranking
Ao todo, 99,93% dos eleitores do estado vão votar usando as impressões digitais. No ranking nacional da biometria, Tocantins ocupa o 1º lugar.

 

Nas eleições do próximo ano, os eleitores dos 139 municípios do Tocantins usarão as impressões digitais para votar. Isso porque o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-TO) concluiu o cadastramento biométrico de todos os eleitores do estado, que corresponde a 1.880.000.

Uma lista divulgada pelo G1 mostra como está o cadastramento em todo o país. O Tocantins está no topo da lista, com 99,93% dos eleitores aptos a votar por biometria. O último estado do Brasil no ranking é o Rio de Janeiro com 10,81%. Veja o ranking abaixo.

O secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral, Jader Batista, disse que todos se cadastraram, mas que em 0,7% do eleitorado a coleta da biometria deu algum erro. "Todas as biometrias foram cadastradas, mas algumas coletas não ficaram 100% ou por causa de cicatrizes nos dedos ou porque o eleitor trabalha com material corrosivo. São 724 eleitores nessa situação. Mas se no dia, a biometria não der certo, eles vão votar pela forma tradicional".

O secretário explicou ainda que houve um planejamento para concluir todo processo e esse foi um dos fatores que contribuíram para que o Tocantins chegasse ao topo do ranking da biometria.

O processo foi concluído em maio deste ano, quando 65 municípios de 17 zonas eleitorais foram cadastrados. Segundo Batista, os lugares de maior difícil acesso foram as regiões da Ilha do Bananal, assentamentos e povoados da região do Jalapão. "Usamos comunicação via satélite, tivemos que montar toda uma estrutura especializada".

Nas eleições passadas o Tocantins tinha 70% do eleitorado cadastrado.

O que é o cadastramento?

A biometria usa as impressões digitais para identificar o cidadão. O objetivo é ter mais segurança e evitar fraudes. No Brasil, a emissão de passaporte, de carteiras de identidade e o cadastro das Polícias Civil e Federal contam com sistemas biométricos.

Para o reconhecimento individual, são coletados dados biométricos por meio de sensores que os colocam em formato digital. No caso do cadastramento feito pela Justiça Eleitoral, os dados são coletados por um scanner de alta definição. São coletados dados de todos os dez dedos da mão, mas apenas um é utilizado para identificar o eleitor no momento da votação.

A coleta das digitais dura poucos segundos. Além disso, é tirada uma fotografia e cadastrada a assinatura digitalizada.

 


Autor: 

Fonte:  G1/Tocantins
Imprimir

Tocantins é o estado com maior número de eleitores cadastrados na biometria; veja ranking
Ao todo, 99,93% dos eleitores do estado vão votar usando as impressões digitais. No ranking nacional da biometria, Tocantins ocupa o 1º lugar.

Quarta-Feira, 11 de Outubro de 2017

 

Nas eleições do próximo ano, os eleitores dos 139 municípios do Tocantins usarão as impressões digitais para votar. Isso porque o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-TO) concluiu o cadastramento biométrico de todos os eleitores do estado, que corresponde a 1.880.000.

Uma lista divulgada pelo G1 mostra como está o cadastramento em todo o país. O Tocantins está no topo da lista, com 99,93% dos eleitores aptos a votar por biometria. O último estado do Brasil no ranking é o Rio de Janeiro com 10,81%. Veja o ranking abaixo.

O secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral, Jader Batista, disse que todos se cadastraram, mas que em 0,7% do eleitorado a coleta da biometria deu algum erro. "Todas as biometrias foram cadastradas, mas algumas coletas não ficaram 100% ou por causa de cicatrizes nos dedos ou porque o eleitor trabalha com material corrosivo. São 724 eleitores nessa situação. Mas se no dia, a biometria não der certo, eles vão votar pela forma tradicional".

O secretário explicou ainda que houve um planejamento para concluir todo processo e esse foi um dos fatores que contribuíram para que o Tocantins chegasse ao topo do ranking da biometria.

O processo foi concluído em maio deste ano, quando 65 municípios de 17 zonas eleitorais foram cadastrados. Segundo Batista, os lugares de maior difícil acesso foram as regiões da Ilha do Bananal, assentamentos e povoados da região do Jalapão. "Usamos comunicação via satélite, tivemos que montar toda uma estrutura especializada".

Nas eleições passadas o Tocantins tinha 70% do eleitorado cadastrado.

O que é o cadastramento?

A biometria usa as impressões digitais para identificar o cidadão. O objetivo é ter mais segurança e evitar fraudes. No Brasil, a emissão de passaporte, de carteiras de identidade e o cadastro das Polícias Civil e Federal contam com sistemas biométricos.

Para o reconhecimento individual, são coletados dados biométricos por meio de sensores que os colocam em formato digital. No caso do cadastramento feito pela Justiça Eleitoral, os dados são coletados por um scanner de alta definição. São coletados dados de todos os dez dedos da mão, mas apenas um é utilizado para identificar o eleitor no momento da votação.

A coleta das digitais dura poucos segundos. Além disso, é tirada uma fotografia e cadastrada a assinatura digitalizada.

 

INFORMAÇÕES:
Autor: 
Fonte:  G1/Tocantins
Foto por:  Thuanny Vieira/TRE-TO
Link do Vídeo:  
ENQUETE

Você irá votar na eleição de 2018?

Parabéns Miracema !
26/08/2017 06:58
Parabéns Miracema !
Assistir Vídeo...

PUBLICIDADE 265x220
Publique seu Banner aqui...
Contato: Telefone: , Email: , Ou preencha o formulário de contato

Nos siga no Twitter              
Visite o nosso Blog              
Assista nosso Canal            
Copyright © 2017 - Portal LJ Todos os direitos reservados.