Quarta - Feira,
26 de Janeiro de 2022

Bolsonaro está com suboclusão intestinal e sem previsão de alta

Boletim emitido pelo Hospital Vila Nova Star informou que presidente se encontra estável e será avaliado pela equipe de Antônio Luiz Macedo

Autor: Flávia Said

Fonte: Metrópoles

Publicado em 03 de Janeiro de 2022 (Atualizado Há 3 semanas atrás)

Legenda: Bolsonaro

Autor da Foto: Divulgação

O Hospital Vila Nova Star emitiu um boletim médico no início da manhã desta segunda-feira (3/1), no qual afirma que o presidente Jair Bolsonaro (PL) está com um quadro clínico de suboclusão intestinal. Significa dizer que é novamente a obstrução intestinal que já o acometeu desde que levou a facada, em 2018.

“Ele está estável, em tratamento e será reavaliado ao longo desta manhã pela equipe do Dr. Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo. No momento, sem previsão de alta”, diz a nota.

O presidente interrompeu suas férias no litoral catarinense e deu entrada no Hospital Vila Nova Star, na zona sul de São Paulo, na maruga desta segunda. Em nota, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) informou que ele passa bem e será submetido a exames.

O médico Antônio Luiz Macedo, que operou o presidente na facada em 2018, passava férias nas Bahamas e espera voo de volta ao Brasil para acompanhar de perto a situação. Desta vez, Bolsonaro pode ser submetido a uma nova cirurgia.

O mal que acomete o presidente ocorre quando a passagem das fezes pelo intestino está total ou parcialmente bloqueada. A obstrução impede a passagem dos alimentos digeridos pelo intestino. Por isso, os produtos dessa digestão, como fezes, gases intestinais e secreções digestivas, se acumulam e aumentam a pressão dentro do intestino. É um fator mecânico.

Leia a íntegra da nota:

Nota à imprensa

São Paulo, 03 de janeiro de 2022 – O Hospital Vila Nova Star informa que o Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, deu entrada na unidade na madrugada desta segunda-feira, devido a um quadro de suboclusão intestinal. Ele está estável, em tratamento e será reavaliado ao longo desta manhã pela equipe do Dr. Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo. No momento, sem previsão de alta.

Direção médica responsável:
Dr. Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo – Cirurgião-chefe
Dr. Leandro Echenique – Cardiologista
Dr. Ricardo Camarinha – Cardiologista do presidente
Dr. Antônio Antonietto – Diretor médico do Hospital Vila Nova Star
Dr. Pedro Loretti – Diretor geral do Hospital Vila Nova Star

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Seu comentário aguardará aprovação antes de ser publicado no site

Sem Comentários