Campanha de vacinação contra febre aftosa deve alcançar 8,5 milhões de animais no Tocantins

Tocantins não tem registros da doença há 23 anos. Estado pode conquistar status de zona livre da doença em 2021.

Publicado em: 05 de Maio de 2020
Foto Por: Adapec/Divulgação
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Vacinação contra febre aftosa no Tocantins

A campanha de vacinação contra febre aftosa pretende imunizar cerca de 8,5 milhões de animais contra a doença no Tocantins. O período começou na última sexta-feira (1º) e para evitar aglomerações e infecções de coronavírus, o prazo foi estendido até o dia 31 de maio. O lançamento da campanha, que normalmente é feito em uma propriedade rural com representantes do setor pecuário, este ano será por videoconferência.

O Tocantins está há 23 anos sem registros de casos de febre aftosa e o objetivo da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) é conquistar o status de zona livre da doença em 2021. Os produtores precisam colaborar e realizar a vacinação. Se o status for conquistado, a carne produzida no Tocantins pode ter entrada facilitada em vários mercados internacionais.

As declarações de que a vacinação foi realizada, que pelos prazos tradicionais teriam que ser entregues em 10 dias, também pode ser enviadas até o dia 31 de agosto. Se o produtor precisar mover o rebanho antes disso, deverá emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA), documento obrigatório para o trânsito de animais.

O atendimento aos produtores precisa ser agendado nos escritórios da Adapec e pode ser feito em horário comercial. Quem desejar acompanhar o lançamento oficial pode assistir através das páginas do Governo do Tocantins no Instagram e no Youtube.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.