Feliz ao bater marca na Copinha, atacante acredita alcançar outros feitos de Neymar: "É batalhar"

Atleta do Osvaldo Cruz ainda comenta felicidade por superar recorde de atacante da seleção e do PSG na Copa SP: "Hora que o professor me chamou, o sorriso já veio na cara"

Publicado em: 04 de Janeiro de 2020
Foto Por: TV Fronteira/Reprodução
Autor: Mateus Tarifa, Paulo Taroco e Rubens Ramos — Osvaldo Cruz, SP
Fonte: Globo Esporte
Pablo Ruan comentou a alegria sentida ao ser o novo recordista da Copa SP

A timidez e a opção por poucas palavras não são obstáculos para os sonhos ousados do atacante Pablo Ruan, do Osvaldo Cruz, que, nesta sexta-feira (3), quebrou o recorde de Neymar e passou a ser o atleta mais jovem a participar de uma partida da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

E está enganado quem acha que para ele as metas param por aqui. Após a derrota de seu time para a Ponte Preta, Pablo Ruan, mesmo contido, mostrou acreditar que pode igualar outros feitos já alcançados pelo atacante da seleção brasileira e do PSG.

– Tomara que eu tenha as mesmas coisas que ele tem, ou melhor, né? É batalhar. Sempre de cabeça erguida – disse o atleta em entrevista à TV Fronteira, afiliada da Rede Globo na região de Presidente Prudente.

O atacante da equipe do interior de São Paulo ainda comentou a alegria sentida após superar o recorde do ex-atacante do Santos, que perdurava desde 2008. Alegria que, na verdade, começou ainda à beira do gramado, quando Pablo Ruan foi chamado pelo técnico PC dos Santos para entrar no jogo.

– Estou feliz, né, em quebrar a marca do Neymar. Sabia que, se entrasse... Estava ansioso. Hora que o professor me chamou, o sorriso já veio na cara. Foi uma felicidade muito intensa.

Mais sobre o novo recordista

E Pablo Ruan tem mesmo motivos para ficar feliz "intensamente". Natural de Taguatinga (DF) e com 15 anos completados no último dia 10 de setembro, o atacante chegou à equipe do interior paulista no começo de 2019 para a disputa do Paulista Sub-15. Como contou no decorrer da preparação para a Copinha, quando foi entrevistado pelo Globoesporte.com/tvfronteira, o garoto não vê seus familiares desde as férias do meio do ano, focado no objetivo de jogar uma Copa São Paulo (relembre aqui).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.