Relembre clubes que passaram pela elite do Tocantinense e estão fora de disputas oficiais

Entre que passaram estão Tubarão, Clube dos Trinta, São José, Tocantins de Palmas, Kaburé e outros

Publicado em: 07 de Julho de 2020
Foto Por: Osmar Rios/GloboEsporte.com
Autor: GloboEsporte.com, Palmas, TO
Fonte: GloboEsporte.com, Palmas, TO
Veja em quais anos cada equipe atuou

 Várias equipes passaram pela elite do Tocantinense desde a profissionalização em 1993, e atualmente estão fora de competições oficiais (licenciadas ou suspensas). Recentemente a última a pedir licença foi o Força Jovem, que disputou pela primeira vez a elite em 2019. 

 

O clube desistiu da disputa do sub-19 – no segundo semestre de 2019, com isso, perdeu o direito de jogar a elite 2020. O time recebeu multa de R$ 5 mil e dois anos de suspensão. No início de 2019, o Gurupi desistiu de encarar a elite por falta de patrocínio, pegou dois anos de suspensão e multa de R$ 20 mil.

 

Relembre todos que passaram pela elite abaixo:

 

Kaburé - a equipe esteve na elite nos seguintes anos: 93/94/95/96/97/2007/2008 e 2009 – atualmente não disputa nem a Segunda Divisão- A última vez foi em 2018, quando desistiu com a competição em andamento. O time nunca conquistou o Tocantinense.

 

Tocantins de Miracema – o Tecão frequentou a elite em: 93/94//97/2001/2002/2004/2006/2007/2008/2009/2014/2015/2016/2017 – O clube não possui taça da elite e está fora de competições oficiais.

 

União Araguainense – a equipe de Araguaína esteve na elite em 93/94/95 e 96 – Desde então não disputou nenhuma competição oficial. O único título foi conquistado em 1994.

 

Colinas – o time esteve em atividade até 2017, foi rebaixada e desde então não encarou competições oficiais. Anos na elite: 2001/2002/2003/2004/2005/2006/2012/2013/2014 e 2017. A equipe tem uma taça conquistada em 2005.

 

Gurupi – o Camaleão do Sul desistiu de disputar o Tocantinense 2019 (dificuldades financeiras). A equipe é uma das únicas que esteve em todas as edições anteriores da elite. Disputou de 1993 até 2018. O Gurupi soma seis conquistas do Tocantinense.

Força Jovem – o representante de Lavandeira jogou a elite apenas em 2019, e desistiu para disputa de 2020. O time não possui conquistas na elite.

 

Araguaína – o Tourão do Norte está fora de disputa desde 2019, quando foi rebaixado e punido pela FTF por não quitar dívidas com a arbitragem. O time esteve nas seguintes edições da Primeira Divisão: 97/98/2002/2003/2004/2005/2006/2007/2008/2009/2010/2011/2013/2014/2015/2016/2018 e 2019. O Araguaína venceu o Tocantinense em 2006 e 2009.

 

Tocantins de Palmas – o time está fora de atividade desde 2013. Esteve na elite nos anos: 2002/2003/2004/2005/2006/2007/2008/2009/2010/2012 e 2013. A única conquista da Primeira Divisão veio em 2008.

 

Miracema - representando Miracema do Tocantins, a equipe passou pela elite em: 93/94/95/96/98/2003/2005/2006. Não chegou a conquistar a taça da competição.

Guaraí – o Lobão, como é chamado pela torcida, estava fora de competições oficiais desde 2018, quando disputou a Segundona. Na disputa de 2018, o clube estava praticamente na elite de 2019, porém, a exclusão do Kaburé - que devia taxas de arbitragem - beneficiou o Arsenal (de Tocantinópolis) com os resultados convertidos para WO, com isso, a equipe de Tocantinópolis obteve melhor classificação e conquistou o acesso.

Esteve na elite em: 2011/2012/2013/2014 e 2015. Nunca levantou a ataca na elite.

 

Paraíso (Intercap) – o time está fora de competições desde 2018, quando foi obrigado a desistir do Tocantinense por uma greve dos atletas, que não recebiam salários. Na elite passou nos seguintes anos: 93/94/95/96/97/98/99/2000/2001/2002/2003/2004/2005/2006/2007/2008/2009/2010/2011/2012/2015/2016/2017 e 2018. O Paraíso conquistou a o título da elite em 1995.

 

Tubarão Esporte Clube– representando Palmas, a equipe passou pela elite em 2008/2009 e 2010. O clube chegou a fazer o clássico local com o Palmas. Não soma nenhum título na elite.

Clube dos Trinta – o time esteve na elite representando a cidade de Araguaína, na região norte. A passagem pela Primeira Divisão foi em 99/2000 e 2001. Não chegou a levantar a taça na elite.

 

Juventude (Dianópolis) – o time esteve por último na Segunda Divisão em 2015, e foi excluído da competição por tentar pagar dívidas de arbitragem com cheque sem fundo. Na elite passou em: 2007/2008 e 2009. Não possui nenhuma taça da Primeira Divisão.

 

Ipiranga – único representante de Aliança do Tocantins frequentou a Primeira Divisão em: 2007/2008 e 2009. Não chegou a conquistar nenhuma taça da competição.

 

São José – o time representou Palmas na Primeira Divisão em: 2007/2008/2010 e 2011. Foi rebaixado e chegou a jogar a Segunda Divisão até 2015. A equipe é outra que nunca venceu a elite do Estadual.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.