Domingo,
18 de Abril de 2021

Segundona Tocantinense começa neste final de semana; conheça os times

Segundona começa neste final de semana

Autor: Globoesporte.com — Palmas, TO

Fonte: Globoesporte.com — Palmas, TO

Publicado em 13 de Outubro de 2018 (Atualizado Há 3 anos atrás)

Legenda: Sem Legenda

Autor da Foto: Guaraí Notícias/Divulgação

A Segundona Tocantinense começa neste final de semana, com quatro confrontos. Seis times duelam no sábado (13) pela primeira rodada.

As 10 equipes estão divididas em duas chaves. Os clubes entram na competição em busca de uma das quatro vagas de acesso para a elite do futebol do estado. O Globoesporte.com preparou uma lista para mostrar o desempenho que os clubes tiveram no torneio em anos anteriores.

 

União de Palmas

 

O União de Palmas foi fundado em 1993 e profissionalizado no ano de 2015. Desde então, o time sempre chega próximo ao título da Segundona, mas ainda não conseguiu a façanha para subir à “nata” do futebol.

 

Capital (Ricanato)

 

O clube já foi semifinalista da competição em 2014 e vice-campeão em 2015, garantindo um lugar na elite do Tocantinense. A equipe de Carreira começou com o nome de Ricanato, era um time empresa e é um dos representantes de Palmas nesta edição da Segundona. A equipe foi criada em 2012 e se profissionalizou em 2014 como Ricanato Futebol Clube, porém, em 2016 decidiu passar por adequações de cor, escudo e nome, desde então assumiu o nome de Capital Futebol Clube.

 

Força Jovem

 

A fundação da Associação Atlética Força Jovem F.C. foi em 2009. O clube disputou a Segundona apenas em 2012, na época terminou em 3º lugar, e agora volta a disputar novamente a competição, após seis anos fora dos gramados.

 

Taquarussú

 

O Taquarussú foi fundado em fevereiro de 1991. A equipe já foi vice-campeã em 1991 do Municipal em Porto nacional, e campeão da Segundona Tocantinense no mesmo ano (futebol no estado ainda não era profissional). Em 2014 foi eliminado da Segundona profissional nas quartas de finais pelo então campeão Guaraí.

 

Alvorada

 

O time que leva o nome da cidade que está localizada na região sul do Tocantins, se tornou profissional em 1992. O time tem várias conquistas no histórico. Entre os títulos, o clube tem: o Campeonato Tocantinense de 1997 e Copa Tocantins de 1998. A diretoria lembra que em 2009, a equipe pediu licença quando estava na elite do futebol estadual e foi punido com o rebaixamento para Segundona, que disputa desde 2013.

 

Guaraí

 

O ano de fundação da equipe foi em 1983 e se profissionalizou em 2010, quando disputou a Segundona e conquistou o acesso e o título. Foi rebaixado em 2013 para a Segundona e conquistou o segundo título e o acesso em 2014, mas caiu no mesmo ano.

O time já disputou a Segundona seis vezes e está agora a caminho da sétima participação na competição.

 

Arsenal

 

O Arsenal Esporte Clube começou em 2015, e disputa o amador desde então. Essa é a primeira vez que o time vai participar da Segundona profissional do Tocantins. A equipe ainda é amadora, mas já busca a profissionalização.

 

Kaburé de Colinas

 

O clube fundado em janeiro de 1985. Esta já é a quarta participação na Segundona, contando com a deste ano. Por enquanto nada de títulos para o Kaburé, mas de acordo com a diretoria, vontade e garra não vão faltar na disputa desta edição.

 

Clube Atlético Cerrado

 

O time é o representante da cidade de Paraíso em mais uma edição da Segundona. O clube foi criado em 2006, mas se profissionalizou em 2009. A equipe foi campeã do Amador e conseguiu o acesso à competição. Esta já é a sétima participação do Atlético na Segundona.

 

Nova Conquista

 

O Nova Conquista representa a cidade de Santa Fé do Araguaia, município da região norte do Tocantins. O time foi fundado em 2005, mas só se profissionalizou em 2015.

O Nova Conquista é o clube que nunca venceu jogando a Segundona. Foram três edições 2015, 2016 e 2017, e sem triunfos. Em 2017, o clube fez uma parceria com o veterano Aloísio Chulapa que fez um jogo pela equipe.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Seu comentário aguardará aprovação antes de ser publicado no site

Sem Comentários