Torcedores do Flamengo finalizam campanha para doação de sangue em Palmas: "Além das quatro linhas"

Os torcedores e membros do FlaPalmas realizaram uma campanha de doação de sangue durante duas semanas. O dia D foi realizado nesse sábado (4)

Publicado em: 07 de Julho de 2020
Foto Por: Alexandre Andrade/Arquivo Pessoal
Autor: GloboEsporte.com — Palmas, TO
Fonte: GloboEsporte.com — Palmas, TO
Alexandre Andrade realizou a doação mostrando o amor pelo Flamengo

Membros da embaixada do Flamengo em Palmas (FlaPalmas) realizaram uma campanha de doação de sangue para o hemocentro durante as últimas duas semanas. A ação terminou neste sábado (4) com o “Dia D” do projeto e conseguiu a mobilização de 15 torcedores.

 

Alexandre Andrade é o vice-presidente da embaixada. Ele diz que apesar dos imprevistos, o saldo da campanha foi positivo e mostra que o futebol também tem sua função social.

 

- A gente prova mais uma vez que o futebol não é só dentro das quatro linhas, o futebol vai muito além disso. Eu acho que o futebol tem uma função muito importante na nossa sociedade e é isso que a gente quer mostrar, cada vez mais ajudar o próximo e fazer o bem.

 

Além disso, ele explica que a embaixada vê a ação como a mais importante do ano, e que espera conseguir ajudar pessoas que necessitam de sangue para procedimentos cirúrgicos.

 

- A gente acredita que a gente fazendo isso está ajudando muita gente que está aí na fila de espera, nos processos cirúrgicos precisando de sangue, então a gente acredita que essa doação é uma das principais do nosso calendário, e é o terceiro ano nosso dessa doação e o número cada vez aumenta mais – afirma Alexandre.

 

Devido a pandemia da Covid-19, o flamenguista diz que o número de doações foi menor neste ano, mas que considera a experiência enriquecedora, mostrando que futebol vai muito além do campo e das torcidas.

 

- Esse ano a gente teve uma certa rejeição do pessoal por conta da Covid. Por às vezes não confiar de estar fazendo uma doação de sangue nesse momento, por não querer gerar aglomeração, por não querer se contaminar, tendo em vista o lugar público de saúde que é o hemocentro.

 

Com a pandemia, os hemocentros do Tocantins registraram uma queda de 30% no número de doadores de sangue e os estoques chegaram a ficar zerados. A gerente técnica do Hemocentro Coordenador de Palmas, Eveline Ávila, explica os cuidados que estão sendo tomados tanto com os doadores quanto com os servidores neste período de pandemia.

 

- Redobramos os cuidados com a higienização, adequamos a recepção com distanciamento adequado entre as cadeiras e nossa equipe de captação está realizando convocações através de agendamentos por horário para os doadores, a fim de evitar aglomerações além de também atendermos a demanda espontânea, onde os doadores ligam e agendam sua doação, escolhendo o melhor dia, horário e local para efetuá-la.

 

Quem tiver interesse em doar pode fazer o agendamento pelos seguintes telefones:

  • Palmas: (63) 3218-3232 e 0800-6428822
  • Gurupi: (63) 312-2237
  • Araguaína: (63) 3411-2915
  • Porto Nacional: (63) 3363-5161
  • Augustinópolis: (63) 3456-1153

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.