Psícologa Kássia Milhomem explica projeto sobre saúde mental

Publicado em: 29 de Junho de 2020
Foto Por: Divulgação
Autor: Da redação
Fonte: Portal LJ
Psícologa Kássia Milhomem

O Programa Leal Júnior da Rádio Miracema FM recebeu no sábado,27, a participação da psicóloga Kássia Milhomem que atua na secretaria municipal de saúde do município de Miracema do Tocantins.

 

Kássia esteve explicando o projeto que vai ser desenvolvido com o título "Cuidando da linha de frente: Promovendo Saúde Mental para todos os funcionários da saúde de Miracema do Tocantins".

 

O projeto tem a participação além dela, dos psicólogos Neilson e Michele, e será pautado em mini rodas de conversas que abordarão temas como ansiedade, stress mental, medo e outros,  relacionando-os com o atual cenário de pandemia.

 

"Faremos uma intervenção psicológica explicando sobre a atuação do stress em nosso organismo e mente, além de ensinarmos técnicas de como lidar com ele", disse ao PORTAL LJ.

 

Os reflexos da pandemia COVID-19 na saúde, especificamente para os profissionais de saúde receberão atenção especial nas palestras.

 

Kássia destacou que a organização das salas estará dentro das normas com número pequeno de pessoas seguindo todas as normas de segurança.

 

"Abordaremos também a pandemia do medo, objetivando colher e trabalhar a forma de como o profissional enxerga e se sente diante da situação", acrescentou.

 

Inscrições

 

Os interessados devem ligar nos telefones 98449.88.40, 99930.36.64 ou 99987.20.25 enviando foto do cartão SUS no período de 29 de junho a 03 de julho, ou se dirigirem até a secretaria de saúde no centro histórico e procurarem a própria kàssia ou a enfermeira Antônia Caetano.

 

Para o secretário de saúde do município Leal Junior, o evento é de grande importância para os profissionais que estão no dia a dia lidando com os mais diversos tipos de problemas, entre os quais sentimentais e psicológicos em época de COVID-19.

 

"Esperamos uma grande participação dos nossos profissionais", pontuou.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.