Donos de papelarias em Palmas ajudam desempregados com impressões gratuitas de currículos

Empresários decidiram ajudar após verem clientes contando moedas para fazer cópias. Segundo eles, a maior recompensa é quando as pessoas voltam para dizer que conseguiram um emprego e agradecer.

Publicado em: 20 de Janeiro de 2021
Foto Por: Reprodução/TV Anhanguera
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Papelaria imprime currículos para ajudar desempregados

Donos de papelarias em Palmas encontraram uma forma simples de dar apoio para quem está em busca de emprego. Alguns empresários estão fazendo a impressão gratuita de currículos e isso tem feito à diferença na vida de muita gente.

 

Em uma das papelarias que oferece essa ajuda, o limite é de cinco impressões gratuitas por pessoa. As cópias sairiam por R$ 1,25. Pode não parecer muita coisa, mas para quem está em busca de um emprego esse dinheiro pode fazer uma grande diferença.

 

Foi isso que influenciou a decisão do empresário Alan Victor Jardim. "O pessoal chega aqui no balcão e conta moeda por moeda para pagar um currículo. Algo que pra mim hoje é simples, um currículo, papel, impressão. Graças a Deus hoje é simples, mas para quem está à procura de um emprego não é simples, é um gasto", comentou.

 

Em outra papelaria a corrente do bem segue seu curso. No balcão o aviso de seis cópias grátis e na memória do empresário está a história que marcou. “Certo dia um cliente nosso contando as moedas para pagar o currículo para procurar emprego e aquilo mexeu comigo. Aí surgiu a ideia de quem está procurando emprego ter o direito a seis cópias”, contou o Agamenon Pessoa.

 

Para os dois empresários, a recompensa está em ver o cliente voltar para dizer que conseguiu uma vaga de emprego. “Teve casos, se não me engano foram quatro ou cinco pessoas, que já conseguiram e agradecem e ficam praticamente clientes eternizados, amigos e clientes”, comentou o Alan Victor.

 

Os dois contam que o setor de papelaria também teve uma grande queda por causa da pandemia, mas as crises sanitária e econômica vieram para todo mundo. Esse foi o jeito deles de ajudar. "De alguma forma é o jeito que nós ajudamos e a satisfação maior é quando vem alguém que tirou cópia do currículo falar que conseguiu emprego. Isso é uma alegria", disse o Agamenton.

 

O Alan Victor afirma que enquanto houver papel vai continuar ajudando. "A mudança de vida dela pode estar em um simples papel, que para mim hoje é simples, mas para a pessoa é algo muito especial", disse.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.