Moradores convivem com mau cheiro causado por tratamento de esgoto

Estação de tratamento tem tirado o sossego dos moradores do setor Bertaville, na região sul de Palmas. BRK diz que tem tomado medidas para diminuir problema.

Publicado em: 01 de Fevereiro de 2018
Foto Por: Divulgação
Autor: G1 TO
Fonte: G1 TO
Moradores do setor Bertaville reclamam do mau cheiro perto de uma estação de esgoto

O mau cheiro causado por uma estação de tratamento de esgoto tem tirado o sossego dos moradores do setor Bertaville, na região sul de Palmas. Quem investiu na região teme uma desvalorização dos terrenos. Quem vive no local diz que o odor é tão forte que dá dor de cabeça e mal-estar.

"A gente vai fazer uma comida e falta não dar conta. Eles falaram que iriam colocar remédio para ver se sai a ‘catinga’, mas nunca colocaram", reclamou a dona de casa Raimunda Pereira. "É de manhã e à tarde. Por volta das 17h30 começa o mau cheiro, muito forte. Tem gente que vem visitar e fica pensando até que é a casa da gente", disse o motorista Doriva Teixeira.

A estação de tratamento de esgoto é da BRK Ambiental, a concessionária de água do Tocantins. Os moradores dizem que com o passar dos anos, o mau cheiro só piora e nenhuma solução definitiva é apresentada para resolver de uma vez por todas esse problema. "Nossa quadra é muito boa para a gente morar. Não tem violência, mas por causa do mau cheiro é malvista", afirmou balconista Vaglene Farias.

"Eles vêm aqui, falam que vai fazer um mapeamento dos horários, que vai resolver, mudar a forma de tratamento, mas até agora nada. Estou pedindo só uma solução sobre esse mau cheiro", disse o motorista Cleiton Pereira.

A BRK disse que tomou uma série de medidas em 2017 para diminuir o odor. Entre elas, o fim do recebimento do esgoto de caminhões limpa fossa, direcionados para outra estação. Assim como a cobertura de parte do processo de tratamento do esgoto bruto e o plantio de eucalipto que serve como barreira natural do mau cheiro. A empresa disse ainda que entrará em contato com os moradores para identificar os horários de maior incômodo.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.