Prefeitura autoriza volta de aulas presenciais em universidades e escolas de formação profissional em Palmas

Escolas regulares ainda seguem proibidas de prestar o serviço na capital.

Publicado em: 28 de Outubro de 2020
Foto Por: Divulgação/Audiovisual UFT
Autor: G1 Tocantins.
Fonte: G1 Tocantins.
Campus de Palmas da UFT

A Prefeitura de Palmas publicou nesta terça-feira (27) um novo decreto em que autoriza o retorno das aulas presenciais em instituições de ensino superior e escolas de formação profissional. As escolas regulares, de ensino básico, fundamental e médio, não estão na lista e por isso seguem com as atividades presenciais suspensas na capital.

 

O texto, assinado pela prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB), determina que as instituições que forem retomar aulas devem "apresentar plano de descontingenciamento à Comissão de Monitoramento, assim como assinar termo de concordância". A reabertura não é imediata e depende da aprovação do plano de cada instituição individualmente.

 

Ficou determinando que antes da autorização, haverá visita da Vigilância Sanitária nos ambientes para avaliar as condições dos locais onde as aulas serão ministradas e dos ambientes coletivos. Além das aulas, podem retornar ainda oficinas e atividades de estágios supervisionados.

 

Para tomar a decisão, o documento afirma que foram levados em consideração "indicadores que demonstram o declínio da curva do contágio pelo novo coronavírus" e também "que os equipamentos de saúde pública estão devidamente abastecidos com medicamentos e que há leitos contratados pelo Município para internação em unidades de tratamento intensivo".

 

O governo estadual tinha publicado medida semelhante para alguns tipos de escola e divulgou no começo da semana os protocolos de saúde pública que devem ser seguidos por instituições de ensino que forem retomar as atividades.

 

A rede municipal de educação segue com aulas através da TV aberta e também com conteúdos disponíveis na internet. Não há data para a retomada das aulas presenciais nestas unidades.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.