Prefeitura de Palmas estabelece regras para reabertura do comércio na capital

Trabalhadores que andam de ônibus agora devem trocar de roupa após o deslocamento, antes do início da jornada de trabalho. Uso de máscara é obrigatório em todos os estabelecimentos comerciais.

Publicado em: 06 de Junho de 2020
Foto Por: Edu Fortes/Prefeitura de Palmas
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Comércio de Palmas vai voltar a funcionar

A Prefeitura de Palmas estabeleceu regras para o funcionamento do comércio, que vai voltar a funcionar nesta segunda-feira (8). Entre as medidas necessárias para a volta das atividades econômicas está a obrigatoriedade do uso de máscaras e distanciamento entre clientes. Todas as regras estão disponíveis no Diário Oficial do Município publicado nesta sexta-feira (5). Veja abaixo as principais.

Em março deste ano a Prefeitura determinou o fechamento do comércio e somente as atividades essenciais podiam funcionar. A medida foi tomada após a confirmação do primeiro caso do novo coronavírus na cidade. Depois de novas confirmações da doença foi decretado estado de calamidade pública e divulgada uma lista dos estabelecimentos que podiam continuar atendendo.

Até esta sexta-feira (5) a capital já contabilizava 725 diagnósticos da Covid-19 além de oito mortes em decorrência da doença.

Parte das atividades vão retornar na próxima segunda-feira (15), inclusive bares, restaurantes e lanchonetes. Somente as boates, teatros, casas de espetáculos, casas de eventos, flutuantes, cinemas, clubes e escolas terão que continuar fechados.

Muitos moradores terão que se adaptar às regras, como os usuários do transporte coletivo. É que os trabalhadores que andam de ônibus devem trocar de roupa, já que passa a ser proibido trabalhar com as mesmas peças usadas dentro do veículo.

Agora também é necessário alternar o início e fim da jornada de trabalho nos estabelecimentos em até três horários para evitar que os ônibus fiquem lotados.

Nos bares, restaurantes e lanchonetes, os garçons não podem servir o prato ou copo do cliente e o produto pedido deve ser deixado na mesa. Além disso, as mesas devem ter no mínimo dois metros de distância e proibido dançar nos estabelecimentos.

Nos shoppings centers deve ser controlado o acesso nos horários de grande fluxo, como almoço e finais de semana. Em relação às lojas de roupas, os provadores não podem mais ser usados. Já as academias poderão funcionar com as portas abertas em tempo integral.

De acordo com a Prefeitura, os empresários, microempresários e microempreendedores que descumprirem as regras terão prazo quatro dias úteis para fazerem as adequações necessárias, ou podem ter alvarás de funcionamento suspenso.

Regras para funcionamento do comércio

Estabelecimentos comerciais

  • Uso obrigatório de máscara
  • Distanciamento social de, no mínimo, 2 metros entre as pessoas
  • Monitoramento da saúde dos colaboradores
  • Intercalar e alternar horários de atendimento dos estabelecimentos
  • Reuniões devem acontecer prioritariamente por videoconferência
  • Colaboradores e usuários de transporte público não poderão usar no ambiente de trabalho a mesma roupa utilizada no deslocamento
  • Disponibilizar limpa sapato - tapete ou toalha umidificada de hipoclorito de sódio a 2%

Academias

  • Manter as portas e janelas abertas em tempo integral
  • Limitar a quantidade de clientes que entram no estabelecimento, de modo que ocorra a ocupação simultânea de um cliente a cada 4m² nas áreas de treino
  • Posicionar kits de limpeza em pontos estratégicos das áreas com equipamentos, contendo toalhas de papel e produto específico de higienização

Bares, lanchonetes e restaurantes

  • Limitar o acesso de clientes que entrarão no ambiente, para evitar aglomerações
  • Adequar o layout das mesas para atender à distância mínima entre as pessoas de pelo menos 2 metros ou fazer uso de barreiras físicas
  • Manter as portas abertas em tempo integral
  • Disponibilizar álcool gel 70% em todas as mesas
  • Substituir o guardanapo de tecido por papel
  • Garçom, para evitar proximidade, não poderá servir prato ou copo do cliente
  • Música somente para som ambiente, não é permitido dançar

Shoppings centers

  • Controle de acesso nos horários de grande fluxo como almoço e fi nais de semana, bem como da área externa do estabelecimento
  • Fixar em pontos estratégicos dispensadores com álcool gel 70% para o uso de clientes e colaboradores
  • Higienizar superfícies de uso comum com álcool 70% ou diluição de hipoclorito de sódio a 2% em intervalos mínimos de 30 minutos
  • O uso dos provadores não é permitido
  • L ojas que disponham de diversos postos de check out devem ter uma proteção de acrílico entre o colaborador e os clientes
  • Limitar o acesso de clientes que entrarão no ambiente, para evitar aglomerações

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.