Queimada atinge área de parque na região norte de Palmas e prejudica fornecimento de luz; veja vídeo

Fogo atingiu linhas de energia e causou oscilações em 26 mil imóveis. Corpo de Bombeiros informou que chamas que estavam dentro do Parque Sussuapara foram extintas, mas combate continua na mata do entorno.

Publicado em: 14 de Setembro de 2020
Foto Por: Pedro Barbosa/TV Anhanguera
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Queimada atingiu região do parque Sussuapara em Palmas

Uma queimada de grandes proporções atingiu o Parque Sussuapara e também a mata do entorno no começo da tarde deste domingo (13). Imagens feitas com um drone pelo cinegrafista Pedro Barbosa mostram a enorme coluna de fumaça que cobriu a região e assustou os moradores. O fogo se concentra perto da Arno 13, mais conhecida como quadra 307 Norte.

 

Os motoristas que passam pela região devem ficar atentos, já que as chamas estão próximas a avenida NS-15. Os Bombeiros enviaram equipes ao local e informaram que o fogo que chegou na parte interna do parque foi extinto, mas que o combate continua no matagal próximo. Não há relatos de pessoas feridas.

 

A Energisa Tocantins informou que o fogo afetou linhas de transmissão. Houve oscilações no fornecimento para cerca de 26 mil clientes da empresa. De acordo com a concessionária, a interrupção durou menos de três minutos.

 

A empresa orientou clientes que percebam queimadas a avisar o Corpo de Bombeiros (193) ou denunciar pela Linha Verde (0800 63 1155). Se for próximo à rede elétrica ou a uma subestação, avise também a Energisa (0800 721 3330).

 

Nesta sábado (12) o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou dados que mostram que o Tocantins passou de dois mil casos de queimadas registradas apenas no mês de setembro. Desde o inicio do ano, já são mais de seis mil focos localizados pelos satélites do Inpe.

 

Ainda no sábado, o fogo de um desses focos chegou muito perto de casas em Gurupi e causou correria entre moradores que tentavam se proteger. Na manhã deste domingo, brigadistas de Talismã, no sul do estado, lutavam para controlar um incêndio na zona rural que já devastou mais de 300 hectares de fazendas. A suspeita é de que o incêndio tenha sido criminoso.

 

Em Palmas, é a segunda vez em menos de um mês que uma grande área verde é devastada pelo fogo. No dia 2 de setembro as chamas assustaram moradores de quatro quadras do plano diretor sul. A fumaça podia ser vista de praticamente todas as regiões da cidade.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.