Quarta - Feira,
21 de Abril de 2021

Após suspender atividades não essenciais, prefeitura diz que Palmas tem taxa de reprodução da Covid-19 abaixo de 1 e desafoga UPAs

Autor: Cleber Toledo

Fonte: Cleber Toledo

Publicado em 05 de Abril de 2021 (Atualizado Há 2 semanas atrás)

Legenda: Prefeita Cinthia Ribeiro

Autor da Foto: Edu Fortes/Secom Palmas

Após 30 dias de suspensão das atividades não essenciais para conter a proliferação da Covid-19, Palmas registrou no domingo, 4, uma taxa de reprodução de 0,75. É o que informou a prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) em uma publicação no Twitter.

O número representa o potencial de transmissão do vírus. Ou seja, cada 100 doentes agora transmite o coronavírus para outros 75. No início de março, uma centena de contaminados atingia mais 162 (1,62), ainda segundo dados da tucana.

Redução da taxa de ocupação dos leitos de estabilização

Cinthia Ribeiro também comemorou a redução da taxa de ocupação de leitos de estabilização de Covid-19 nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Capital.

No primeiro dia de suspensão das atividades essenciais, a UPA Sul estava completamente lotada, enquanto a Norte atingia 73,5% da ocupação. O boletim epidemiológico de Palmas de domingo, 4, mostra que a taxa de ocupação da UPA Sul ficou em 31,3% e a UPA Norte em 58,1%.

“Os números provam que agimos com razão. A ciência continuará balizando nossas tomadas de decisão até a vacina ser uma realidade”, disse a gestora.

Veja a publicação da prefeita:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Seu comentário aguardará aprovação antes de ser publicado no site

Sem Comentários