PSDB quer que PRE investigue outdoor apócrifo com informações falsas sobre recursos de Palmas para combate à Covid-19

Publicado em: 09 de Setembro de 2020
Foto Por: Reprodução/Redes sociais
Autor: Cleber Toledo
Fonte: Cleber Toledo
Outdoor foi instalado na quadra 103 Norte

O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) no Tocantins informou que acionará a Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) para cobrar uma investigação contra a instalação de outdoor apócrifo em Palmas. O material questiona os gastos da prefeitura com a pandemia de Covid-19, mas dá informação errada sobre a quantia que recebeu do governo federal.

 

Informação falsa

Instalado na quadra 103 Norte, o outdoor afirma que a Prefeitura de Palmas recebeu R$ 42 milhões do governo federal para o combate ao novo coronavírus e questiona o destino deste dinheiro. Entretanto, o Fundo Nacional de Saúde (FNS) transferiu para a Capital do Tocantins apenas R$ 14.118.783,60, conforme mostra dados do Portal da Transparência acessados na manhã desta quarta-feira, 9.

 

Investimento de R$ 33 milhões

Conforme o PSDB, a Prefeitura de Palmas investiu  R$ 33 milhões em ações de combate à Covid-19, sendo que R$ 17,9 milhões de recursos próprios, R$ 181 mil do governo estadual e os R$ 14 milhões do governo federal. 

 

Práticas vedadas

Advogado do partido, Solano Donato lembra que o uso de outdoor em campanha eleitoral está proibido desde 2006 e a propaganda política é apócrifa, ou seja não tem a identificação do autor, outra prática vedada. “Vamos combater qualquer tipo de propaganda irregular e a prática de fake news e, assim, buscar garantir o equilíbrio na disputa e que o eleitor possa exercer a sua escolha de forma democrática”, disse em material enviado à imprensa.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.