Secretário com condenação em Guaraí entrega cargo e prefeitura se diz “surpresa” com pedido do MPE

Apesar da Constituição e Lei da Ficha Limpa

Publicado em: 20 de Janeiro de 2021
Foto Por: Divulgação
Autor: Cleber Toledo
Fonte: Cleber Toledo
Prefeita de Guaraí, Fátima Coelho

O secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos hídricos, Hugo Nunes Coelho, entregou o cargo nessa terça-feira, 19, à prefeita de Guaraí, Fátima Coelho (DEM), após a repercussão da iniciativa do Ministério Público Estadual de exigir sua exoneração. Conforme nota da prefeitura, Hugo Nunes “entregou seu cargo voluntariamente”, assim, o município “considera o caso por encerrado”.

 

Condenado por estelionato e associação criminosa

O motivo da polêmica é que o ex-secretário é condenado em ação judicial transitada em julgada. Ele, que é sobrinho do vice-prefeito Donizete Rocha (PV), foi condenado a pena de dois anos de reclusão e 20 dias-multa, substituída por duas restritivas de direitos, pelas práticas de crimes de estelionato e associação criminosa.

 

Recebeu com surpresa

Apesar disso, e ainda de existir uma Lei da Ficha Limpa Municipal em Guaraí, em sua nota, a prefeitura disse que “recebeu com surpresa” a recomendação do MPE que pede a exoneração do ex-secretário. A legislação municipal, inclusive, não é nova, é de 2013, quando a hoje prefeita Fátima Coelho já era vereadora.

 

Princípio da moralidade

Ressaltando também que, como aponta o MPE, a nomeação do ex-secretário viola o princípio da moralidade, disposto no artigo 37, caput, da Constituição Federal, que estabelece que não serão nomeados, designados ou contratados, a título comissionado, para o exercício de funções cargos e empregos públicos na administração pública direta e indireta do Poder Executivo e Legislativo os que forem condenados, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado pelos crimes contra a administração popular, a fé pública, a administração pública e ao patrimônio público, as finanças públicas e ordem tributária, bem como os praticados por associação criminosa.

 

Confira a íntegra da nota:

Após recomendação do Ministério Público, secretário Hugo Nunes entrega cargo no Executivo de Guaraí

A Prefeitura de Guaraí recebeu com surpresa a recomendação do Ministério Público Estadual (MPE-TO) que pede a exoneração do secretário municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Hugo Nunes Coelho.

 

Nesta terça-feira (19), Hugo Nunes apresentou um balanço das ações desenvolvidas à frente da pasta e entregou o cargo de secretário do Município de Guaraí.

 

Diante dos fatos apresentados, em respeito ao trabalho desenvolvido pelo MPE, e diante da iniciativa do secretário Hugo Nunes, que entregou seu cargo voluntariamente, a Prefeitura de Guaraí considera o caso por encerrado.

 

A Prefeitura de Guaraí agradece o trabalho desenvolvido pelo secretário Hugo Nunes e deseja sucesso em sua jornada.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.