Senadora Kátia Abreu cobra investimento do Estado em testes para Covid-19 para médicos e enfermeiros

Publicado em: 27 de Julho de 2020
Foto Por: Roque de Sá/Agência Senado
Autor: ​Cleber Toledo 
Fonte: ​Cleber Toledo 
Kátia Abreu no plenário do Senado

A coordenadora da bancada federal, senadora Kátia Abreu (Progressistas), disse que não entende porque o governo do Tocantins não compra testes para a Covid-19.

 

A preocupação dela, segundo disse, é com a exposição de médicos e enfermeiros que estão linha de frente de combate à doença.

 

A Secretaria Estadual da Saúde alega que uma crise nacional tem dificultado a aquisição de insumos para testagem, mas parece que Kátia não engole muito essa história.

 

R$ 420 mil para salvar médicos e enfermeiros

A senadora, então, faz as contas: um teste para Covid-19 custa apenas 70. São 5,2 mil enfermeiros trabalhando no Estado e 700 médicos na linha de frente de combate à doença nos hospitais. “Seriam necessários 6 mil testes aproximadamente, o que, vezes R$ 70, dá R$ 420 mil”, calculou.

 

R$ 850 milhões contra a Covid-19

No entanto, lembrou a senadora, o governo do Estado terá um total de R$ 850 milhões das medidas aprovadas pelo Congresso para o combate ao novo coronavírus. “Isto prova que não é por falta de dinheiro. É falta de gestão e de compromisso com a saúde de quem está na frente desta terrível batalha”, criticou.

 

Teste para entrar no gabinete

Kátia ainda ironizou: “Mas pra entrar no gabinete do governador tem que fazer teste na hora, segundo informações de quem esteve lá”. E concluiu: “Só contamos hoje com o Ministério Público e o Judiciário do nosso Estado para determinar que o governo cumpra seu dever com os profissionais de saúde”.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.