Sábado,
25 de Junho de 2022

Após quase 10 anos sem manutenção, Governo do Tocantins inicia recuperação da TO-070 entre Formoso do Araguaia e Dueré

Ao todo, serão 63 km de estradas recuperados que auxiliará a população e o escoamento de produções agrícolas da região Sul do Estado

Autor: Kaio Costa/Governo do Tocantins

Fonte: Ascom

Publicado em 22 de Junho de 2022 (Atualizado Há 3 dias atrás)

Legenda: Esta é a 19º obra autorizada pelo Governo do Tocantins e faz parte do Plano de Pavimentação, Recuperação e Conservação de Rodovias

Autor da Foto: Esequias Araújo/Governo do Tocantins

Mais uma Ordem de Serviço foi assinada pelo Governo do Tocantins nesta terça-feira, 21, a fim de garantir obras de recuperação na malha viária do Estado. A rodovia beneficiada desta vez é a TO-070, no trecho que liga o município de Formoso do Araguaia a Dueré e que não recebe manutenção há quase 10 anos.

Esta é a 19ª obra autorizada pelo Governo do Tocantins e faz parte do Plano de Pavimentação, Recuperação e Conservação de Rodovias, que destinará, até o final do projeto, R$ 700 milhões para a garantia de uma melhor trafegabilidade. Ao todo, 30 trechos, com extensão de mais de 2.500 km de estradas em todo o território estadual, serão recuperados.

O governador Wanderlei Barbosa lembrou que a situação das rodovias estaduais é preocupante, mas tranquilizou ao afirmar que as medidas já estão sendo providenciadas. "Visitando o Tocantins, o que a gente vê são estradas precárias. Esse trecho da TO-070, por exemplo, está em uma situação que prejudica o trânsito das pessoas, o escoamento de produtos e o transporte de cargas. Essas ordens de serviços vêm no intuito de dar celeridade na recuperação dessas obras, trazendo dignidade e mobilidade a todo o Estado", constatou.

De acordo com a Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), a parte de tapa-buracos e reconstrução da base já começará na próxima semana, a fim de preparar a via para receber o asfalto. As obras serão iniciadas na parte perimetral da TO-070 e seguirão por três meses, até o fim dos serviços.

O prefeito de Formoso do Araguaia, Heno Rodrigues, destacou a necessidade urgente das obras e se mostrou esperançoso, após longa espera. "Hoje, quase não há tráfego nesse trecho. As pessoas que precisam fazer essa locomoção, principalmente os caminhoneiros que escoam boa parte da produção de arroz, soja, milho e que também precisam dessa interligação para sair para os estados de Goiás e Mato Grosso, enfrentam grandes dificuldades", afirmou.

"Há quase 10 anos, não se vê manutenção preventiva e nem corretiva neste trecho, mas agora estamos tendo a garantia de um serviço de qualidade", complementou o prefeito Heno Rodrigues, destacando o fato de que a empresa responsável pelas obras já está no município, fazendo levantamentos e contratando pessoal para a execução.

Plano de recuperação

Ao todo, 63 km de estrada serão recuperados, sendo 2 km iniciais na perimetral que corta o município de Formoso do Araguaia e 61 km de autovia, até o município de Dueré. O trecho foi duramente castigado pelo período chuvoso no final de 2021 e no início de 2022, o que tem obrigado a população a fazer um retorno de cerca de 120 km por Gurupi, aumentando o tempo gasto para acesso a qualquer município da região. É o que conta Micael Javaé, cacique da aldeia Boa Esperança.

"Essa obra chega em boa hora, pois a estrada está intransitável. Todas as comunidades indígenas da Ilha do Bananal que fazem parte da região do Javaé agradecem, porque nós utilizamos muito esta estrada. Facilitará a interligação das comunidades com a chegada de atendimento de saúde, além de possibilitar que as comunidades acessem a cidade em busca de mantimentos", salientou o cacique Micael Javaé, durante o evento de assinatura da Ordem de Serviço das obras.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Seu comentário aguardará aprovação antes de ser publicado no site

Sem Comentários