Covid-19 cresce 450% em 10 dias em Araguaçu e prefeitura recorre ao lockdown

Publicado em: 27 de Junho de 2020
Autor: Cleber Toledo
Fonte: Cleber Toledo

Assim como Santa Terezinha do Tocantins, Araguaçu assistiu a Covid-19 chegar um pouco mais tarde. O município foi registrar o primeiro caso de Covid-19 somente no dia 15 de maio, data em que o Estado já chegava a 1.170 diagnósticos.

 

A cidade lamentou a primeira morte pela doença no dia 24 daquele mês, mas chegou a manter a epidemia equilibrada por mais alguns dias. O cenário começou a mudar neste mês de junho e a cidade já tem assinalado um crescimento alarmante.

 

Crescimento de 450% em 10 dias

 

Apesar de ter se mantido com apenas uma morte, a doença já afetava seis pessoas um mês depois do primeiro registro, no dia 15 deste mês. Desde então a Covid-19 não para de crescer no município e chegou nesta quinta-feira, 25, com 33 diagnósticos positivos. Nos últimos dez dias foi um crescimento de 450%, o que motivou medidas mais restritivas por parte da Prefeitura de Araguaçu.

 

Somente serviço essencial

 

O primeiro Decreto do Paço veio na terça-feira, 23, e proíbe a comercialização de bebidas alcoólicas e o consumo em locais públicos, isto aliado a manutenção do isolamento social e o fim das aglomerações.

 

A Prefeitura de Araguaçu reforçou as medidas restritivas na quinta-feira, 25, com um lockdown, quando passou a proibir toda atividade comercial e serviços privados não essenciais, e estabelecendo regras para os funcionamento daqueles estabelecimentos liberados, como supermercados, farmácias, postos de combustíveis, entre outros.

 

Clique para conferir a íntegra dos Decretos: 345 de 2020 | 347 de 2020.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.