Energisa alerta caminhoneiros para riscos de acidentes com a rede elétrica

Principal orientação é estacionar o veículo a uma distância segura da rede antes de acionar a caçamba.

Publicado em: 15 de Janeiro de 2021
Foto Por: Divulgação
Autor: Ascom
Fonte: Ascom

Em 2020, dois caminhoneiros foram vítimas de acidentes envolvendo a rede elétrica no Tocantins, sendo um fatal. E como forma de alertar os motoristas sobre esses riscos, a Energisa Tocantins realiza ações nos principais pontos de caminhoneiros do estado.

 

A principal mensagem é para que os condutores nunca parem embaixo da rede elétrica, principalmente se forem acionar a caçamba ou fazer inspeção de carga. "Realizamos um trabalho de orientação aos caminhoneiros que trafegam no Tocantins sobre os cuidados necessários com a rede elétrica. Acreditamos que todos os acidentes possam ser evitados se as pessoas agirem com segurança e atenção", afirma o coordenador de Saúde e Segurança da Energisa Tocantins, Leomar da Rocha Assis. 

 

A empresa tem atuado na orientação e disseminação dessas informações sobre os cuidados com a rede elétrica. Foram instalados 16 outdoors nos principais pontos de aglomeração de caminhoneiros, além da distribuição de adesivos para fixação nos painéis dos veículos e blitz com orientações.

 

Os acidentes com a rede elétrica costumam ter consequências graves, por isso é fundamental ter consciência dos riscos para evitar atos inseguros. Além de não acionar a caçamba ou inspecionar carga próximo à rede elétrica, é fundamental controlar a altura da carga e prestar atenção na altura máxima permitida.

 

Em caso de colisão de veículo no poste, o condutor não deve sair do veículo, a menos que tenha princípio de incêndio. Se houver um cabo partido em contato com a parte metálica, há grande o risco de choque. Se estiver do lado de fora do caminhão que está em contato com os cabos, não encoste no veículo, pois ele pode estar energizado. Também não tente socorrer vítimas que estiverem em contato com fios partidos. Acione imediatamente o Corpo de Bombeiros e chame a Energisa pelo 0800 721 3330. Se houver pessoas feridas ligue também para o Samu ou Emergência da sua cidade.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.