Médico com coronavírus sai da UTI e se emociona após ficar mais de 20 dias em estado grave

O anestesista José Guilherme Laufer ficou duas semanas sem reagir, mas agora finaliza o tratamento na unidade. "Final feliz que muitas famílias não têm", comemorou a esposa.

Publicado em: 02 de Junho de 2020
Foto Por: Reprodução/TV Anhanguera
Autor: G1 Tocantins
Fonte: G1 Tocantins
Médico com Covid-19 comemora ao sair da UTI

O médico anestesita José Guilherme Laufer, diagnosticado com coronavírus, se emocionou ao receber alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Palmas. Ele ficou mais de 20 dias em estado grave e ao sair do leito ganhou uma homenagem da equipe de profissionais de saúde. 

 

A alta foi na tarde desta segunda-feira (1º). A esposa do médico, Neane Lima da Cruz, diz que passou dias angustiantes. "Foi um susto muito grande mas a gente está tendo um final feliz que muitas famílias não têm", disse.

 

A família mora em Paraíso do Tocantins, na região central do estado. Neane conta que o José Guilherme começou a sentir sintomas da Covid-19 após saber que tinha realizado um procedimento em uma paciente com a doença. "Dois dias depois ele teve o diagnóstico", disse.

 

O médico começou a se medicar em casa, mas foi levado para a UTI de uma unidade particular, onde ficou por 21 dias, após ter o quadro de saúde agravado. "Ele é asmático e foi levado direto para a UTI. Ele ficou vários dias desacordado, em coma. Foram duas semanas sem reagir", lembra a mulher.

 

O casal tem duas filhas. Uma delas foi infectada, mas já se recuperou. Neane não teve a doença e comemora aliviada o fim de uma etapa importante. José Guilherme agora deve permanecer na unidade para finalizar o tratamento.

 

"Foram dias angustiantes. Eu fiquei em casa e não pude ficar com ele devido ao isomamento. Esse é um vírus que a gente não vê e nunca imagina que vai acontecer com você", disse Neane.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.