Quarta - Feira,
14 de Abril de 2021

Produtores trocam hortaliças por mandioca para melhorar o lucro no sul do Tocantins

Produtor trocou hortaliças por mandioca em Gurupi

Autor: G1 Tocantins

Fonte: G1 Tocantins

Publicado em 16 de Julho de 2018 (Atualizado Há 3 anos atrás)

Legenda: Sem Legenda

Autor da Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Produtores do sul do Tocantins estão trocando as grandes hortas por lavouras de mandioca para tentar melhorar os lucros. Segundo eles, além das vantagens com o preço do quilo mais estável, a plantação da raiz demanda menos cuidados.

"A hortaliça, além de dar muito trabalho, o preço é bem menos. O cliente chega pedindo o cheiro verde por R$ 0,50 ou por R$ 0,40. A mandioca o cliente já sabe que o quilo é R$ 5", explica o produtor José Gomes Pereira.

O agrônomo Evadir Fornari explica que a escolha é boa porque a planta se adapta bem ao clima local. "Comporta-se desde o Rio Grande de Sul até o Norte, Nordeste do país. Inclusive, a Bahia e o Pará são os maiores produtores e o Tocantins vem aí como terceiro ou quarto produtor da mandioca", diz ele.

No Brasil a mandioca também é conhecida como aipim e macaxeira. A variedade que o seu José planta é chamada de mandioca manteiga e a mulher do agricultor, Luzia Gomes Pereira, explica porquê.

"Ela é muito boa, ela não precisa nem colocar na pressão. Só esquentou a água e ela já está cozidinha, molinha".

Para acelerar os resultados, o produtor investiu em um sistema de irrigação que é ligado por meia hora todos os dias. Ao invés de esperar por 12 meses, a colheita é feita seis meses após o plantio.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Seu comentário aguardará aprovação antes de ser publicado no site

Sem Comentários