SENAR realiza curso Derivados do Leite no município de Palmeirópolis

Publicado em: 17 de Maio de 2018
Foto Por: Divulgação
Autor: Ascom
Fonte: Portal LJ

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), coordenado pelo seu presidente, Paulo Carneiro, está realizando essa semana mais um curso Trabalhador na Produção de Derivados do Leite, para 17 alunas no município de Palmeirópolis, o evento acontece em parceria com o Sindicato Rural de Palmeirópolis e a Prefeitura do município.

O principal objetivo é preparar profissionais para a preparação de alimentos derivados do leite, utilizando equipamentos, utensílios, instrumentos e controle de qualidade de produtos e de processos na indústria de alimentos, de acordo com as normas técnicas, de segurança, higiene e saúde no trabalho.

Para o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (FAET) e do SENAR Tocantins, Paulo Carneiro, “estes cursos disponibilizados pelo SENAR, têm como objetivo principal, contribuir com a oferta de oportunidades de qualificação profissional para produtores rurais e trabalhadores do campo, aumentando as possibilidades de produtividade e lucro nos seus negócios rurais”, destaca o presidente.

O curso é uma alternativa de fonte de renda para o produtor, afirmou a Instrutora Rita de Cassia Santos Andrade, " com este curso, estamos estimulando o setor leiteiro e ensinando as novas oportunidades de renda aos pequenos produtores, “

Ensinamos técnicas para fabricação dos produtos básicos da leiteria, como queijo minas frescal, queijo minas padrão, mussarela, iogurte e doce de leite pastoso”, explicou a instrutora.

A aluna Weslane Lacerda comenta que de agora para frente ela tem certeza que está no ramo certo.

“Serei uma profissional qualificada, estou aprendendo como realizar de fato os melhores produtos, com técnicas e principalmente qualidade agradeço a Deus por essa oportunidade e também o SENAR, por nos proporcionar essa qualificação que tanto desejávamos. ” Conclui a aluna.  

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.