Suspeito de manter família refém por 3 horas durante assalto é preso em Araguaína

Ele e dois cúmplices teriam amarrado e ameaçado os moradores enquanto comiam e bebiam na casa. Depois, o grupo fugiu levando objetos e o carro da família.

Publicado em: 19 de Maio de 2018
Foto Por: Divulgação/Polícia Civil
Autor: G1 Tocantins.
Fonte: G1 Tocantins.
Jovem foi preso suspeito de participar de assalto em Araguaína

A Polícia Civil de Araguaína prendeu Gabriel Henrique Almeida Pereira, de 18 anos, como um dos suspeitos de mantêm uma família refém por três horas durante um assalto no fim de 2017. O caso foi no dia 29 de dezembro, quando um grupo de três homens invadiu a casa no setor Vila Azul e amarrou e os moradores.

A quadrilha ainda teria aproveitado para consumir produtos que estavam na geladeira da família. De acordo com a polícia, enquanto as vítimas eram ameaçadas com armas de fogo, os homens comiam, bebiam e faziam piadas.

O grupo fugiu levando eletrônicos, alguns objetos pessoais e o carro da família. Como a investigação ainda está em andamento, não foram informadas quais as provas encontradas contra Pereira, mas a prisão preventiva dele foi decretada pela Justiça e o Ministério Público Estadual ofereceu denúncia com relação ao caso.

Ele vai responder por roubo à mão armada e em concurso. A pena, com os agravantes, pode chegar a 10 anos de prisão. Ele vai aguardar o julgamento na Casa de Prisão Provisória de Araguaína. Os outros suspeitos ainda não foram identificados.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.